Search
Camaquã
30°C
Camaquã
30°C
Pedágios

“Aqui não vai ter pedágio”, diz prefeito Maranata sobre instalação de nova praça em Guaíba

O chefe do executivo participou da manifestação contra o reajuste das tarifas da Zona Sul na última semana em Camaquã
Foto: Reprodução | Acústica FM
Foto: Reprodução | Acústica FM

“Aqui não vai ter pedágio”, disse o prefeito de Guaíba, Marcelo Maranata (PDT) sobre a construção de uma praça de pedágios entre as cidades de Guaíba e Eldorado do Sul. Prefeito falou sobre a desaprovação da possibilidade em entrevista ao programa Esquina Democrática da Rádio Acústica FM desse sábado (06).

Receba todas as notícias da Acústica no seu WhatsApp tocando aqui!

De acordo com Maranata, uma nova praça de pedágios na Costa Doce, prejudicaria o desenvolvimento da região. “A gente já provou deste veneno amargo que destruiu a nossa cidade”, enfatizou o chefe do executivo sobre o antigo pedágio do município.

O prefeito participou da manifestação contra o reajuste das tarifas de pedágios na Zona Sul, realizada na última quarta-feira (03), em Camaquã, no trevo de acesso norte a cidade. A Rádio Acústica FM realizou a cobertura do protesto que contou com a presença de populares, junto a entidades, lideranças regionais e parlamentares de maneira pacífica, sem acarretar em bloqueios na rodovia. A tarifa básica sofreu um aumento de R$ 15,20 para R$ 19,60, sendo o principal alvo da manifestação, junto à possibilidade de prorrogação do contrato de concessão com a Empresa Concessionária de Rodovias do Sul S.A. (Ecosul).

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou, no Diário Oficial da União no dia 7 de outubro de 2022, um edital sobre a realização de Audiência Pública nº 10/2022, com objetivo de tornar público, o Edital e Contrato, ao Programa de Exploração da Rodovia e aos Estudos de Viabilidade, para concessão do sistema. O novo projeto prevê a concessão de trechos da BR116 (Porto Alegre – Camaquã), BR158 (Santa Maria – Panambi), BR290 (Porto Alegre – São Sepé) e BR392 (Boa Vista – Santa Maria).

Assista a entrevista na íntegra: 

Tags: Guaíba, pedagio, Praça de Pedágio, Prefeitura de Guaíba