Search
Camaquã
22°C
Camaquã
22°C
Verão 2024

Bombeiros distribuirão pulseiras para identificação de crianças nas praias do RS

Guarda-vidas entregarão os itens para os veranistas
Foto: Elias Ramos/ACSP/CBMRS
Foto: Elias Ramos/ACSP/CBMRS

O primeiro lote com dez mil pulseiras de identificação para as crianças que estiverem nas praias gaúchas foi entregue para o Corpo de Bombeiros Militar (CBM) realizar o processo de distribuição nesta sexta-feira (5/1). O ato ocorreu em Tramandaí e faz parte da ação da Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH) na Operação Verão 2023-2024, intitulada Criança Segura.

Receba todas as notícias da Acústica no seu WhatsApp tocando aqui!

Após o recebimento dos itens, o CBM já começou o abastecimento das guaritas com as pulseiras, e os guarda-vidas ficarão responsáveis pelo repasse entre os interessados. A iniciativa tem o objetivo de reduzir os casos de crianças perdidas na beira das praias. Somente na Operação Verão de 2022-2023, foram 867 registros de crianças em situação de risco ou perdidas.

A subsecretária de Direitos Humanos, Inclusão, Igualdade e Fraternidade, Márcia Scherer, esteve presente no ato e enalteceu a parceria com o CBM. “O apoio para a distribuição será crucial para que o material chegue até as crianças. Além da proximidade, os guarda-vidas possuem a melhor condição para realizar o serviço”, destacou. “Nosso objetivo é tornar o veraneio de todos cada vez mais seguro no Estado.”

Além da distribuição, os guarda-vidas farão o registro dos dados de cada criança e dos responsáveis que solicitarem a pulseira. As informações serão colocadas em uma planilha para facilitar o processo de localização dos responsáveis.

No total, a SJCDH disponibilizará 50 mil unidades. As entregas serão realizadas em diferentes lotes durante a Operação Verão 2023-2024.

Como ter acesso à pulseira

Para ter acesso às pulseiras, as famílias das crianças deverão fazer a solicitação com um guarda-vidas. Ele fará o registro dos dados da criança e dos seus responsáveis e disponibilizará o item.

Dicas para proteger às crianças na praia:

  • utilize as pulseiras de identificação;
  • não deixe as crianças sozinhas na praia;
  • combine um ponto de referência com elas, como o posto de salvamento;
  • ensine as crianças a bater palmas caso não visualizem os responsáveis;
  • coloque roupas chamativas para identificá-las mais facilmente;
  • em caso de desaparecimento, procure os órgãos oficiais de segurança.

Texto: Giovanni Disegna e Bruno Garcia/Ascom SJCDH

Tags: Rio Grande do Sul