Search
Luta contra a dengue

Camaquã já teve mais de 1,3 mil imóveis vistoriados contra a dengue em 2024

Equipes mapeiam locais com maior risco para intensificar ações
Camaquã já teve mais de 1,3 mil imóveis vistoriados contra a dengue em 2024
Camaquã já teve mais de 1,3 mil imóveis vistoriados contra a dengue em 2024. Foto: Divulgação

O Centro Municipal de Vigilância em Saúde, realizou o primeiro Levantamento do Índice Rápido de Infestação do Aeds aegypti de 2024. Ao todo, foram vistoriados 1385 imóveis urbanos, em 31 bairros e 198 quarteirões em Camaquã.

Receba todas as notícias da Acústica no seu WhatsApp tocando aqui!

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, foram coletadas várias amostras de larvas, encaminhadas ao Laboratório Municipal de Entomologia.

O objetivo do levantamento é identificar as áreas da cidade com maior ocorrência de focos do mosquito e os seus criadouros. A partir desse levantamento podem ser intensificadas as ações em locais com maior presença do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e da chikungunya.

O Centro Municipal de Vigilância em Saúde executa durante todo o ano ações de prevenção e controle. O objetivo é prevenir a proliferação dos focos do Aedes aegypti e conscientizar a população sobre a importância da participação de todos no combate à dengue.

Em caso de dúvidas ou afins, ligue para o Centro de Vigilância: 3671-8665.

Tags: Camaquã, Cidades, Costa Doce, dengue, Região, Saúde